3.11.10

Vídeoarte

Os booktrailers, que começaram por ser (pelo menos por cá) coisas toscas para promover os livros, indo buscar os leitores onde estes andavam, acabaram por ganhar em poucos anos um espaço próprio, havendo já prémios e fóruns da especialidade.

Este, em particular, cativou-me hoje a atenção. Diz respeito ao livro Soulpancake, que também tem direito ao seu próprio site, está claro.
Vale a pena fazer um vídeo (e um site!) para cada novo título? Bah, se as prateleiras já estão cheias de papel para reciclar, na rede não faltam zeros e uns supérfluos. Não se justifica tal disparate, que só banaliza o fenómeno, levando ao desinteresse generalizado. Evite-se usar o Youtube para, com uma música «emprestada», fazer fade-in e fade-out da capa do livro, alternando com uns excertos do texto ao estilo Powerpoint.
Porém, quando uma obra é especial, mesmo especial, uma verdadeira aposta, aposte-se tudo. Assim vale a pena. Contrate-se um realizador, se for preciso um produtor e demais elementos, faça-se um brainstorming generoso e, com os meios possíveis, leve-se a mensagem o mais longe que se puder. Este vídeo (um verdadeiro aperitivo), por exemplo, deixou-me cheia de apetite!

Sem comentários: